Quer acesso a materiais gratuitos?

IMOBILIÁRIAS

Sim, o futuro das imobiliárias chegou

26 • Novembro • 2018

É fato que as imobiliárias já estão vivendo uma mudança na maneira em que se relacionam com seus clientes. Aquela história contada por muito tempo: um dia, no futuro, as imobiliárias vão ter que mudar seu jeito de fazer negócio e não mudando elas acabarão - já chegou. Em outro momento aqui no Blog Rede Vistorias falamos sobre a mudança do comportamento da confiança nas relações comerciais. Hoje, em geral as pessoas não dependem absolutamente da confiança ou credibilidade estabelecida por uma empresa, no caso a imobiliária. Essa relação com os clientes começa ou não começa pautada na opinião de muitos outros clientes. A imobiliária não pode ficar parada no tempo, apenas focada no serviço de intermediação. É necessário ampliar grandiosamente as camadas de serviços agregadas ao serviço essencial da imobiliária.

Como ampliar as camadas de serviço?

Se sua imobiliária trabalha com locação, é muito provável que faça vistorias de entrada de saída dos inquilinos. Promova uma experiência diferenciada para locador e locatário com uma vistoria detalhada. Invista na qualificação do seu time de vistorias. Se você não tem um time de vistoriadores ou deseja ter mais segurança jurídica, recorra a uma empresa especializada e qualificada. Não deixe que seu corretor faça vistoria, por exemplo. Ainda nas imobiliárias que trabalham com locação de imóveis. Você deve saber melhor que ninguém, ao finalizar o contrato, o locatário precisa devolver o imóvel no estado em que recebeu no inicio da locação, exceto pelos desgastes naturais. Por que não uma parceria com a Kaasa, startup que foca nos serviços de manutenção dos seus imóveis, enquanto você tem mais tempo para focar no cliente. Imaginamos que sua imobiliária trabalha compra e venda de imóveis novos. Por que não uma parceria com escritórios de arquitetura ou grandes lojas de itens para casa? Comprando um imóvel novo é fácil visualizar que o cliente vai precisar ocupar esse imóvel com mobiliário.

Velhos hábitos, novos procedimentos.

Fiador! Aquela pessoa que garante a imobiliária os pagamentos devidos pelo inquilino, caso esse falte com seus compromissos financeiros. Essa exigência do fiador e de quantias monetárias elevadas para servir como garantia, comumente, desagrada os inquilinos. Promovem um indesejado distanciamento desses clientes com as imobiliárias. Muitas imobiliárias já mudaram sua conduta de trabalho com relação à necessidade de um fiador. Na garantia locatícia ágil o locatário usa seu cartão de crédito como garantia para o contrato de locação. Existem algumas empresas que já trabalham oferecendo esse serviço, uma das mais conhecidas é a CredPago. Esse novo procedimento é uma alternativa para um velho hábito e espanta a burocracia. Outro procedimento que vem ganhando espaço e construindo o futuro das imobiliárias é a assinatura eletrônica de documentos. A antiga rotina de todos os envolvidos assinarem as vias impressas do contrato de locação ou compra de um imóvel e ainda gastar horas em função de cartório foi substituída pela assinatura digital. Os serviços de assinatura eletrônica de documentos garantem a segurança - pois documentos eletrônicos são criptografados e propõem-se a manter uma trilha de auditoria completa para cada assinatura - e a agilidade no processo. Como um dos fornecedores desse tipo de serviço podemos recomendar a Docusign.

Futuro das imobiliárias: manter a boa reputação

Como lembramos lá no início deste post, as relações comerciais vêm mudando há algum tempo. Estamos vivendo uma era onde a confiança em empresas é construída em nossas mentes com o apoio das outras pessoas que compartilham suas experiências com aqueles fornecedores que estamos pensando em contratar. As redes sociais, portais de recomendação ou reclamação, sites de busca, são ferramentas maravilhosas para propagar coisas boas. Contudo, o mesmo espaço serve para que pessoas manifestem insatisfações vividas com seus fornecedores. Já se tornou hábito de muitas pessoas pesquisarem sobre fornecedores, independente do item que vão comprar. Se nos preocupamos em avaliar o fornecedor de um item simples, como uma calça – por exemplo – é natural que nos preocupemos com um item tão relevante com um imóvel. Cuidado com o relacionamento com seu cliente. Se algo acontecer fora do esperado, o que é bastante compreensível, tenha a sensibilidade de ouvir e tratar seu cliente com atenção. Não seja indiferente a suas eventuais queixas. Caso contrário, a frustração ou ira dele pode impactar vários outros negócios. Você já havia refletido sobre o futuro das imobiliárias? Continue atento aos sinais que sua clientela demonstra. Suas atividades centradas na experiência do cliente tendem a ir cada vez mais longe.